sábado, 18 de março de 2017

Vida de Mineiro

No ar!...

Há um cheiro de café coado...
E num trespassado,
Pilão faz paçoca de amendoim.

Na bancada a mina d’água fresca
Enche a moringa,
Hidrata a arruda e o alecrim.

Canivete alisa afiado,
A palha que recebe,
O fumo de corda,
Pr’um pito sem fim...

A viola toda encantada,
Solta afinada,
Moda e cantigas,
Canções pra mim...



[ESTROFE]
De trabalho em trabalho eu vou,
A caminho da roça estou.
Deus do Céu proteja os teus filhos,
Protege o mineiro que vive disposto;
Que segue teus passos e faz com muito gosto;

Abençoa a terra q’acolhe o trabalho,
Gerando o fruto da saúde e paz,
Da felicidade que eu espalho....




Nas minhas mãos
As marcas bem fincadas,
Do trampo pesado,
Do sol abastado,
Do calor sem fim.

Com o sol a pino,
Faço a sesta.
Num assombreado,
Faço o meu rangado,
De arroz, suã e aipim.

No bornal,
Carrego aquela água,
Que brota sagrada,
Lá no meu rincão.

Trago em mim uma grande certeza,
Que a realeza desta minha justeza,
É Deus que me dá toda esta beleza,
Do meu coração.




ESTROFE
De trabalho em trabalho eu vou,
A caminho do rincão estou.
Deus do Céu proteja os teus filhos,
Protege o mineiro que vive disposto;
Que segue teus passos e faz com muito gosto;

Abençoa a terra q’acolhe o trabalho,
Gerando o fruto da saúde e paz,
Da felicidade que eu espalho....




Letra e Música: Donaldo Santos Junior - 18mar2017
Letra: Inspirada da Trova do autor Claudio Zeferino, com o mesmo título. - 21fev2017

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Coruja


Hummmmm olhar distante,
Que se diz presente;
Nesta equidistância,
Te miro pela minha lente.

COmo acrescentar algo de ti,
RUmo que tomas em si,
JA fitando-te em mim?

FOra talvez a paragem,
TOdavia no seu descanso,
GRAvada na paisagem,
FAda és, neste remanso. DÁdiva num dia manso, Num dia sem fim.


Donaldo Santos Jr.
Foto by @Crysjardim


sábado, 31 de dezembro de 2016

Feliz 2017!

Amigos!!!
Intrépidos amigos.

Quantos longos sonhos realizamos!
Quantos momentos de alegria, vitórias e sucesso!
Quantos momentos de ansiedade e incertezas,
Este 2016 nos fez passar!

Um ano que muito nos ensinou,
Para fazermos de 2017 nossa diferença.

Continuando nossa crença cristã,
Vivos e atuantes em Deus;

Crescendo como pessoa,
Humanos e Solidários. 

Para transformar em realidade nossos sonhos,

Jamais poderemos dos outros depender,
Mas exclusivamente de nós mesmos.

Por isto, desejamos um Feliz Natal
Renascendo seu coração com Deus
E no Menino Jesus, que veio de Maria e José.

Ele transformou nossas vidas cristãs,
transformou-nos em pessoas mais humanas,
Em gente mais fraterna, solidária e amiga.

Que 2017 seja diferente por sua causa,
E você faça diferença na vida de todos.

São meus votos.
Um forte abraço.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Tira Xerox moço?

-- Xerox?
--Aqui "tira" xerox, Moço?
-- Inclusive colorido. 
          Afirmei-lhe de pronto, já pensando no tira [soldado] ou na tira [tecido] que a palavra também nos traz de significado.

Continuei!
-- Deseja algo mais?
-- É só! - respondeu. 

-- Quantos?
-- Só um. - pensando logicamente no xerox.
-- Que também poderia ser: - só uma! - lancei o desafio. 

Priscilla [nome fictício] olhou-me intrigada. 

-- Cópia! - desfiz de pronto a infringência. 

Já sorrindo, na descontração, afirmei ser mais uma palavra com duplo significado, como tantas outras na nossa e em outras línguas. 

Meneando a cabeça pelo "só um", lancei novo delgado. 
-- Você disse,... Um só?  - e continuei...
-- Ou Uma só!
-- Quais dos dois sós, somos nós?
-- Se sós, à sós, somos delgados. 
-- Se somos sós, unidos, somos nós. 
-- Nós! ... [agora de corda. kkk] Que ata e desata. 
-- Se é "ata", está marcado; registrado no livro com folhas numeradas. 
-- Se "desata" dependendo da fome, 
          é muita ata [fruta do conde] pra um "nós" comermos.
kkk!!!

-- Mas!
-- Se é um só, como então seremos nós?
-- Nós que desatam a mente sem mentiras;
-- Nós que amarram em ternas caminhadas; 
-- Nós que queremos nos multiplicar para tantos, 
-- Dando o exemplo da duplicidade, 
          na cumplicidade dos bons momentos da eternidade.

... Faz cópia aí moço?

-- Pode ser xerox? Quantos?

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Um beijo!

Bom dia também;
Um beijo.

Um beijo de estalo.
Marcado pelo som,
Marcado pelo tom,
Pelo lado bom do contato.

Dois beijos.
Um de cada lado.
Pra mostrar que você está cercada.
rsrs... de carinho.

E neste momento aproveito,
Para te dar o beijo terceiro,
Certeiro. Rsrs..

No centro.
No nariz sô!!!
Bem na pontinha.
...
Na portinha...
...
Um beijo de amor.


Viva feliz comigo em ti.